1. Home
  2. São Paulo - SP
  3. Vila Cruzeiro
  4. Luis Arrobas Martins Doutor

Luis Arrobas Martins Doutor

Escola Pública Estadual

Endereço
Rua Joao Elias, 80 Vila Cruzeiro São Paulo - SP CEP: 04726-070
Email para contato: e005174a@educacao.sp.gov.br
Dados incorretos? Atualize whatsapp share button Whatsapp
Links úteis
Avaliação IDEB 2017
7.0

Localização

Ver a localização

Carregando mapa

Rua Joao Elias, 80 - Vila Cruzeiro

Infraestrutura

segundo dados do Censo/2018
Instalação de ensino
  • Alimentação escolar para os alunos
  • Água filtrada
  • Água da rede pública
  • Energia da rede pública
  • Esgoto da rede pública
  • Lixo destinado à coleta periódica
  • Acesso à Internet
  • Banda larga
Instalação de ensino
  • 11 salas de aulas
  • 46 funcionários
  • Sala de diretoria
  • Sala de professores
  • Laboratório de informática
  • Quadra de esportes descoberta
  • Cozinha
  • Sala de leitura
  • Banheiro dentro do prédio
  • Banheiro adequado à alunos com deficiência ou mobilidade reduzida
  • Dependências e vias adequadas a alunos com deficiência ou mobilidade reduzida
  • Sala de secretaria
  • Pátio coberto

Equipamentos

segundo dados do Censo/2018
  • TV
  • Antena parabólica
  • Aparelho de som
  • Projetor multimídia (datashow)

7 Comentários

Luiz Gustavo

Excelente escola. Meu Filho ja esta la ha 4 Anos. Os professores sao maravilhosos , e Claro que isto tambem depende do aluno. Acredito que a principal educacao venha de casa. Mas...
Coordenadores excelentes , sempre a disposicao de Pais e alunos. Direcao tambem. Pais e escola diretamente ligados atravez de conselho participativo. Estao sempre em contato com a familia. Escola e para aprender, estudar , e nao passear. Meu filho esta Na 4 serie , e somente not as 10. Para mim, ensino do Luis Arrobas esta perfeito. Uma Das 3 melhores escolas publicas de São Paulo. 5 melhor do Brasil. Recomendo. Pena que nao seja ate o 9 ano. Terei que procurar outra.

Reportar abuso
Erika

Triste mesmo, Thiago. Pretendo pôr minha filha ano que vem lá, e, já vou preparando o espírito... Acho que o que houve com sua filha não foi dado a devida importância... mas achei muito válido seu desabafo... devemos sim, expor essas situações pra que os educadores tenham mais cuidado e respeito com os alunos e família...

Reportar abuso
Isabel

Uma pena que a pedagogia do oprimido ainda prevaleça nessas escolas tão tradicionais, que são verdadeiras " maquinas" de padronização e senso comum, formando para obedecer o sistema não para pensar sobre ele.

Reportar abuso
Thiago

Isso tudo ocorreu na escola estadual DR.luiz Arrobas Martins.

Reportar abuso
Thiago

Essa semana ocorreu um fato muito triste com minha filha que pertence a terceira série C, que devido a um combinado entre os alunos e a professora, em que os alunos só poderiam ir ao banheiro na entrada e intervalo, minha filha que é muito tímida, não pediu para ir ao banheiro, mesmo com muita vontade, obedeceu a esse combinado sem questionar (mostra que a escola não torna o aluno mais autônomo), até não aguentar mais e fazer o xixi na roupa. Como uma necessidade básica vital do ser humano, pode ser tão levado a ferro e fogo, minha filha foi expostas aos seus colegas de classe, e infelizmente, riram dela.
Não foi enviado nenhum comunicado, nem da professora, nem coordenação, para nós, os pais, que descobrimos por ela estar usando uma roupa que não era dela, e perceber o quanto ela estava envergonhada e triste pela situação que viveu, a ponto de não querer ir mais a escola, será que isso é legal perante ao E.C.A, será que ainda o aluno tem que ser tratado como um objeto e não como um sujeito, minha esposa foi até a escola falar com a professora sobre o assunto, não foi atendida, quando conseguiu falar com a coordenação, a diretora disse que esses assuntos tem que discutido pela agenda, desculpe, mas, minha filha não é de papel é de carne e osso, sofreu danos morais, bulliyng, está muito triste.
Espero que nenhuma criança passe por isso, fica o desapontamento com a direção escola, a professora, e o método de ensino, que pra mim vai na mão contrária, de uma educação libertadora e humanista.
"Não é no silêncio que os homens se fazem, mas na palavra, no trabalho, na ação-reflexão"
(Paulo Freire)

Reportar abuso
Sandra

Que legal Thalita. Me chamo Sandra. Meu sobrinho Vinícius vai começar a frequentar a escola Luís Arrobas também, espero que ele goste muito, assim como você.

Reportar abuso
Thalita

eu estudo nessa escola ate hoje e tenho 8 anos amo essa escola nuca fico sem da um bjs em todos

Reportar abuso